Desde ontem (3 de abril) a animação brasileira “Tito e os Pássaros” é exibida na França. Já são 150 salas confirmadas, em 18 cidades como Paris, Bordeaux, Grenoble, Lyon, Nice, Strasbourg e Toulouse. A distribuição é da Damned Films.

No Brasil, a animação tem como distribuidoras a Elo Company e a Europa Filmes, e está em cartaz desde 14 de fevereiro. O longa trata da história de um menino, Tito, que se lança na missão de salvar o mundo de uma epidemia incomum: as pessoas ficam doentes ao sentirem medo. O filme conta com as vozes de um elenco estrelado: Denise Fraga, Matheus Nachtergaele, Mateus Solano e Otávio Augusto.

Dirigido por Gustavo Steinberg, André Catoto e Gabriel Bitar, “Tito e os Pássaros” foi premiado como “Melhor Animação” em festivais internacionais como o Festival de Chicago, Children’s Film Festival Seattle, Festival de Havana, além de ganhar Menção Honrosa no Festival de Sitges. Além da pré-indicação a “Melhor Animação” no Oscar 2019, o longa foi indicado a “Melhor Animação Independente” ao Annie Awards 2019, o Oscar da animação. No Brasil, o filme teve sua primeira exibição no último Anima Mundi, em julho de 2018, que inclusive lhe rendeu o prêmio de “Melhor Longa Infantil”.

Além disso, a animação foi selecionada para a mostra competitiva de Annecy, o festival mais importante do meio - que escolhe apenas 10 filmes por ano, e do Festival Internacional de Cinema de Toronto (TIFF), onde foi a primeira animação brasileira a ser selecionada e teve sua estreia norte-americana. Nesta semana o filme ganhou mais um prêmio, no Festival de Animação do Marrocos, o mais importante do mundo árabe.

Veja o trailer neste link.